No dia do Traditions!

Tudo sobre o meu Disney International College Program – ICP

Em 2008/2009 fiz o meu primeiro programa da Disney, o International College Program e foi uma das melhores experiências da minha vida. Recomendo pra todo mundo que ainda está na faculdade, são meses inesquecíveis, sem falar que é o que você já chega com tudo certo: trabalho, lugar e pessoas para morar e meio de transporte. Nesse post vou falar como foi todo o processo para trabalhar para a Disney.

Nesse programa, chamado International College Program, estudantes do mundo inteiro vão passar alguns meses trabalhando diretamente para a Disney em Orlando, nos parques, resorts ou no Disney Springs (antiga Downtown Disney), como vendedor nas lojas à personagens (vou falar sobre cada um depois).

Os requisitos

Para poder participar do programa, você tem que ter mais de 18 anos,  estar matriculado e frequentando uma faculdade reconhecida pelo MEC entre a segunda e a última fase e ter inglês fluente.

As palestras e entrevistas

A agência oficial que faz os programas da Disney no Brasil é a STB. Fique atento no site a partir do início de abril, que é quando começam a divulgar as datas de palestras e entrevistas, que só acontecem em algumas cidades e você precisa fazer a inscrição (aliás, as datas desse ano já saíram). No meu ano, precisei ir até Curitiba, pois a entrevista foi lá. Assistimos a palestra, toda em inglês, em que falam sobre o trabalho, a vida em Orlando e os benefícios em trabalhar para a empresa. Em seguida, são entregues senhas para as entrevistas, que são em dupla e com prioridade para pessoas de outras cidades. A entrevista também é em inglês, mas bem tranquila, nessa etapa é feita pela própria STB.

Tem muitos grupos no Facebook (na minha época era Orkut, kkk) em que os participantes já vão se conhecendo e essa parte é muito legal, além de ajudar com a ansiedade.

Cerca de um mês depois, você recebe o resultado dessa primeira etapa e se passar é chamado para a entrevista com os recrutadores da Disney, que acontece em poucas cidades. Eu precisei ir pra São Paulo, cerca de dois meses depois da primeira entrevista. No ano que fui tinha outra palestra com os recrutadores, mas pelo que pesquisei, agora são só as entrevistas. As entrevistas são em duplas também e é uma entrevista de emprego mesmo, em que perguntam porque devem te escolher, suas características e personalidade. Na palestra eles explicavam quais os trabalhos (chamados roles) e você selecionava em ordem de preferência qual você quer trabalhar. Não há garantia que você fique com o trabalho escolhido. O local de trabalho também só é revelado oficialmente quando você chega lá. Cerca de um mês depois sai o resultado. Você pode ter sido aprovado, reprovado ou ficar em stand by, que quer dizer que se alguém recusar ou abrir mais vagas, você pode ser chamado. Se você passar, já pode ser considerado um Cast Member (Membro do Elenco), que é como a Disney chama os funcionários :D. Em seguida eles agendam uma data pro visto e todo mundo vai junto pro consulado (se você é de uma cidade sem consulado, considere mais despesas de viagem).

Chegando lá

Normalmente os embarques são da metade de novembro (meu embarque foi dia 15/11) até meados de dezembro. Já pense em como se organizar com a faculdade, pois em teoria você não pode prejudicar seus estudos por causa do programa. Meus professores foram bem compreensivos e adiantaram todos os trabalhos e provas para que eu não reprovasse saindo duas semanas antes do final das aulas. Também cuidei para não ter faltas durante o semestre. Os embarques são em grupos, no meu não foi nenhuma das pessoas que eu já conhecia pela internet, mas como estava com a camisa que a STB dá, já fui vendo outras pessoas do programa no aeroporto e fazendo amizades (e que foram meus grandes amigos e companheiros lá na Disney também <3). Chegamos no aeroporto em Orlando e tinham pessoas da Disney esperando pela gente. Em um outro espaço fizemos uma fila onde recebemos as chaves de onde iríamos morar, as primeiras instruções e um kit de sobrevivência pro primeiro dia, com lanche, água e até um mini sabão em pó e amaciante.

disney-program

E mais um envelope com instruções e a chave do nosso apê!
E mais um envelope com instruções e a chave do nosso apê!

No dia seguinte já tínhamos todos uma agenda do que aconteceria nos próximos dias: tirar o Social Security (a Disney organiza uma “excursão” até o local), uma sessão com todos para preenchimento dos documentos de imigração, o Traditions (vou falar mais já já) e os primeiros treinamentos para começarmos a trabalhar. Quando eu digo que esse é o melhor programa é por esse suporte todo que a gente recebe, não sei de outro que seja assim tão bom.

Orientation Day
Orientation Day
Na Disney University para o Traditions!
Na Disney University para o Traditions!

Disney Housing

São 4 os condomínios para o College Program: Vista Way (mais antigo e mais famoso, morei lá no segundo programa), o Chatham Square (morei lá no primeiro programa e é ótimo), o The Commons (conhecido por ser o mais chique, tem máquinas de lavar dentro do apê, rs) e o Patterson Court (o mais novo). Todos são excelentes tem uma infraestrutura completa, com piscina, academia, lavanderia, portaria e todos os utensílios que você precisa para viver. O Disney Housing funciona como uma empresa a parte, administram os condomínios, promovem eventos (muitas festas legais e de graça), viagens, cursos e workshops e tem também uma biblioteca com livros e filmes para pegar emprestado. Tudo funciona muito bem mas as regras são bem rígidas e muitas são tolerância zero, quem sai da linha pode ser demitido pela Disney e voltar pro Brasil no dia seguinte. Cada um paga o seu aluguel que já é descontado automaticamente do paycheck semanal e o valor depende de qual condomínio você mora e com quantas pessoas, mas a média é cerca de U$ 90/semana.

Vista, Chatham, Commons e Patterson. Não tenho fotos melhores porque ainda não era blogueira. Todos são excelentes!
Vista, Chatham, Commons e Patterson. Não tenho fotos melhores porque ainda não era blogueira, haha. Todos são excelentes!

Os ônibus para os parques e resorts passam com bastante frequência em cada condomínio. É gratuito e  também há transporte para o shopping, correios, supermercados.

Os trabalhos

Os principais trabalhos para os são:

  • Merchandising: Trabalha nas lojas dos parques, resorts ou Disney Springs, como caixa, estoque ou vendedor (normalmente todas as funções rotacionam).
  • Quick Service: Trabalha nos restaurantes de fast food, que pode ser no caixa, fazendo a comida, limpando mesas etc.
  • Full Service Food and Beverage: Também é em restaurante, mas nos table service (com serviço de mesa). Trabalha como hostess (levando as pessoas nas mesas e entregando os cardápios), como greeter (recebendo as pessoas com reserva e fazendo o check in) ou assigner (recebendo os check ins e colocando as pessoas nas mesas, rotacionando os garçons). Foi o meu trabalho no primeiro programa e eu adorei, é bem tranquilo e você conhece várias pessoas.
  • Custodial: Trabalha mantendo os parques limpos, incluindo áreas internas e banheiros. Dizem que é um dos melhores trabalhos, pois conhece o parque muito bem, interage muito com os guests e dá informações.
  • Attractions: Trabalha nas atrações, controla os brinquedos, filas e a entrada das pessoas (sabe as pessoas que perguntam em quantos vocês estão e organizam em cada vagão?). Também pode trabalhar como controle de multidão, organizando o espaço para que as paradas passem e em dias muito cheios também controla para que as saídas de emergência não fiquem obstruídas. Já peguei alguns extras em PAC no Magic Kingdom, é legal mas pode ser estressante também.
  • Character: Trabalha como personagem, é preciso ter uma altura determinada e passar nas audições quando chegar lá. O treinamento é bem intenso.
  • Character Attendant: Trabalha como auxiliar dos personagens (já que eles não podem falar), ajudando na fila e orientando as pessoas.

O primeiro treinamento é o que todos que fazem quando começam a trabalhar para a Disney, se chama Traditions, em que te dão uma visão geral sobre a empresa, a marca Disney, a cultura, a missão, os 4 keys e o que esperam de você. Dura normalmente um período, todos devem estar no Disney Look (dentro dos padrões deles de aparência, social e discreto). Nos dias seguintes começam os treinamentos da sua função e alguns testes. Eu fui treinada para o Food and Beverage e podia pegar horas extras nas funções que pediam esse treinamento e nas que não pediam nenhum (como o PAC).

Algumas das roupas que usei nas horas extras. Cada hora extra você precisa ir no wardrobe buscar sua costume.
Algumas das costumes que usei nas horas extras.

Outra coisa é que a Disney tem galpões gigantes como armários. Você pode pegar 5 mudas de roupa (chamada costume), usar e devolver suja que eles lavam pra você. Isso garante que todo mundo vai estar com a roupa limpa e sem amassados, mantendo o Disney Look. Mas se você preferir lavar em casa, pode também.

O dia a dia

Você pode ser uma agenda sempre igual ou que muda toda a semana, mas os seus dias como Cast Member nunca serão iguais. A maior vantagem de se trabalhar para a Disney é o acesso livre aos parques (e bastidores), onde você pode dar uma passadinha em um deles, andar de montanha russa e ir trabalhar depois. Ou trabalhar o dia todo e assistir os fogos antes de ir para casa. Só de escrever já me dá uma saudade gigante. Nos dias de folga, tem outlet e shoppings pertinho, cidades de praia, outros parques temáticos (Flórida é o paraíso), ou ficar na piscina com os muitos amigos que você com certeza fará.

intercambio-disney

intercambio-international-college-program

Quanto custa?

Quanto aos custos, além das viagens para entrevistas e visto, você precisa pagar sua passagem aéreaseguro saúde, uma taxa de despesas administrativas e adiantamento de condomínio de cerca de 300 dólares, se não me engano (que você não pagará lá na primeira semana), e mais um dinheiro para as duas primeiras semanas (eu levei uns U$350 e deu tranquilo). Depois dessas duas primeiras semanas você vai receber um salário de U$9,50/hora e uma garantia de 30 horas semanais de trabalho. Com esse dinheiro você vive confortavelmente, pagando condomínio, indo no supermercado e passeando, mas sem muita ostentação. Depois do programa, com o dinheiro que guardei trabalhando, fui com os amigos que fiz na Disney para Nova York e ficamos 7 dias por lá.

Esse intercâmbio, além de te dar todo o suporte, também te ensina muito sobre como trabalhar em uma empresa do porte da Disney e morar com pessoas de diferentes culturas e personalidades. O melhor desse programa são os amigos que você faz, conhece pessoas de todos os cantos do Brasil e do mundo, e é incrível como todos viram família em dois meses. Se isso tudo tem uma parte ruim, é a saudade desses dois meses mais sensacionais que você já viveu! 🙂

A gente ganha até uma festa de formatura! <3
A gente ganha até uma festa de formatura! <3
Isso é o que você mais vai ver. E sentir orgulho também em ser um Cast Member. :)
Isso é o que você mais vai ver. E sentir orgulho também em ser um Cast Member. :)

Você também pode gostar de

6 comentários em “Tudo sobre o meu Disney International College Program – ICP

  1. Eu vou tentar esse ano e estou muito nervosa, não sei o que esperar das entrevistas, eu acho que meu inglês é intermediário, mas mesmo assim dá aquele frio na barriga. Pode me dar mais detalhes sobre as entrevistas ? Adorei seu relato!! Beijos 😀

    1. Oi Nara, tudo bem?
      Que legal que você vai tentar! Essa primeira parte com a STB é mais tranquila. Eu também estava super nervosa, os recrutadores da Disney são todos muito simpáticos e vão fazer você se sentir bem a vontade! Você vai ter uma dupla (se não mudou da minha época), então, se tiver a oportunidade, interaja com ela também e não veja como concorrente, as duas pessoas podem passar. Seja sincera nas respostas. Eles vão fazer perguntas pra conhecer mais sobre você e o seu perfil. Das minhas perguntas, lembro que eram se eu já havia morado fora de casa, o que eu achava de dividir um apto e se eu já tinha dividido antes, se eu trabalhava e com o que, esse tipo de coisa.
      Depois vem me contar como foi, ok? É a melhor viagem da vida, eu queria voltar no tempo pra ir de novo, haha. Aproveita muito! Beijos

  2. Thais, adorei seu blog! Lembra de mim que estava com você no shutters!! Você conseguiu colocar todos os detalhes que passamos no programa de intercâmbio. Muito bom ler e relembrar de todos os detalhes! Bjs e sucesso!

    1. Carina, que saudade de ti! Esse intercâmbio é o melhor de todos também pelas pessoas que a gente conhece nele! Adorei que você deixou um comentário! Beijão

Deixe uma resposta