Seguindo com os posts sobre Florianópolis, nesse vou falar sobre uma das regiões que mais gosto, o norte da Ilha. 🙂

Forte de São José da Ponta Grossa

Entre as praias de Jurerê Internacional e Daniela fica a Praia do Forte, que costuma ser bem tranquila. É uma área de visitação, uma vez que o Fortaleza de São José da Ponta Grossa fica nessa praia. Essa fortaleza foi construída em 1740 e junto com outras duas fortalezas (Ratones e Anhatomirim) formavam um triângulo de defesa do norte da Ilha. O forte nunca foi utilizado belicamente e foi abandonado após a invasão dos espanhóis em 1777. É tombado como patrimônio histórico e artístico nacional. Desde a década de 1990 é cuidado pela UFSC, sendo eles também os responsáveis pela restauração do local. A visita custa R$ 8 e lá (tem uma vista incrível), dá para entrar na igreja, nas guaritas, prisão, casa do comandante, casa de pólvora. Em alguns lugares foi montado um pequeno museu, com peças de roupa e louças da época e tem até canhões. Lá também é possível ver as rendeiras de Bilro trabalhando, fique assistindo uma, a habilidade delas é hipnotizante. Essa é a única entre as três fortalezas que tem acesso por terra, para as outras duas é preciso comprar o passeio de barco. Mesmo assim, o acesso costuma ser bem difícil e tumultuado no verão. Tente estacionar antes de subir o morro, pois a subida é íngreme e estreita, causando muita fila. Há no local estacionamentos (que precisa subir esse morro para chegar) e custam cerca de R$ 15. Do Forte dá pra acessar a praia facilmente.

forte - florianopolis
Forte São José da Ponta Grossa

forte florianópolis renda de bilro canhão florianópolis

Jurerê Internacional

Essa praia é uma das mais badaladas de Florianópolis, onde ficam os ricos e famosos. O mar é tranquilo (a areia nem tanto), às vezes tem até pessoas fazendo stand up paddle. Ali ficam os beach clubs, que vou falar mais abaixo.

Mais para frente, é a parte tradicional de Jurerê, mais tranquila, recomendo muito. 🙂

Jurerê Open Shopping

Além da praia, Jurerê Internacional tem um centrinho com várias lojas, cafés e restaurantes caso você passe o dia por lá. No verão (e Carnaval principalmente) fica animado até a noite, com bandinha e atividades para as crianças. O café que eu mais gosto é o Doce de Pelotas, tem os melhores doces (e frappuccino) da vida.

Cachoeira do Bom Jesus

Do lado de Canasvieiras (praia dos argentinos), fica a praia da Cachoeira, um pouco mais tranquila se comparada com Jurerê e Canasvieiras.

Boka’s 

Esse blog tem para todos os bolsos, haha. Se você quer fartura pagando pouco, o lugar é o Boka’s, onde a maioria das porções serve 6 pessoas com fome. Tem em vários endereços, mas no norte da ilha fica na Cachoeira do Bom Jesus.

Praia Brava

Mais para frente fica a Praia Brava. É uma praia menor, mas ótima para passar o dia. O mar lá é bem violento, por isso não é indicada para crianças que gostam de ficar na água.

praia brava

Passeios em Barco Pirata

Nas praias do Norte você vai ver alguns barcos piratas passando com música alta e povo animado. Nunca fiz esse passeio, mas pelo que sei, tem duas opções:  um passeio mais curto, de cerca de 3h que passa pelas praias do norte e Ilha do Francês e um passeio de cerca de 5h, que vai pelas praias do norte (inclusive no Forte) e tem almoço em Governador Celso Ramos (outra cidade do litoral catarinense). As empresas que fazem o passeio são a Scuna SulScuna Martin e Pérola Negra e custa cerca de R$ 70 dependendo do passeio. (Como eu disse acima, nunca fiz esse passeio então não posso recomendar nenhuma, essas são as empresas que pesquisei que fazem.)

Baladas

Se você é baladeiro, Jurerê Internacional é seu lugar em Florianópolis. Principalmente no verão. São beach clubs, boates e casas de show pra todos os gostos (mas não todos os bolsos, prepare-se!).

São nesses lugares também onde acontecem as festas de Reveillón mais famosas (e caras) do Brasil:

Nas praias os mais conhecidos são o Taikô e Café de la Musique. Eu gosto muito do P12, que costuma ter shows e DJs internacionais. Por lá, a festa costuma começar de manhã e vai até às 22h, mas a atração principal normalmente aparece pelas 19h. Também em Jurerê fica o Donna, um restaurante/balada. Nos sites tem a programação completa e venda de ingressos de cada um deles.

Também no norte, ficam PachaDevassa on StagePosh, ficam no mesmo lugar, mas são atrações, festas e ingressos separados. Não costumam abrir todas as noites, por isso, confira a agenda no site.

Como eu não achei fotos legais desses lugares, peguei do site mesmo:

P12
P12

p12

Cafe de la Musique – foto do http://www.jurere.com.br/in_beachs.htm
Cafe de la Musique – foto do http://www.jurere.com.br/in_beachs.htm

Conforme eu for lembrando ou for separando mais fotos eu vou atualizando esse post, que ficará sempre em construção. 🙂

Você também pode gostar de

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *