Search here...
TOP
Estados Unidos Flórida Orlando Walt Disney World

1 dia no Magic Kingdom na Disney – Roteiro

O Magic Kingdom é o parque da Disney que tem o Castelo da Cinderela e talvez o mais Disney. Por isso, eu sempre indico pra ser o primeiro parque a ser visitado (ou o último, pra encerrar com a emoção dos fogos, rs). Apesar disso, ele não é um parque de atrações radicais, longe disso. Ele é o parque da magia e dos contos de fadas.

Eu amo esse parque e ele é realmente mágico. Não importa quantas vezes eu visite, sempre dá borboletas no estômago entrar lá. Existem milhões de posts sobre os parques da Disney por aí, então nesses aqui do blog, vou colocar tudo o que eu mais gosto em cada um deles, vai ser cheio de opinião, ok?

Fazer o roteiro da viagem é complicado e planejar o dia no parque também tem suas dificuldades, mas ter esse planejamento ajuda a você otimizar seu tempo, ir nas melhores atrações e não perder os shows e desfiles. 🙂

Primeiro recomendo que você leia o post com todas informações para planejar sua viagem para Orlando.

Horários

Normalmente o parque abre às 9h e nesses dias a Main Street abre às 8h15, então você pode ir entrando, tirar fotos e ficar perto da land que você quer ir. Eu indico MUITO que você chegue mesmo no primeiro horário e vá direto pra atrações concorridas que você não tenha conseguido Fast Pass.

Importante: Os horários para o parque pode variar, então sempre confira antes. Também pode acontecer de ter o Extra magical hours, que é quando os hóspedes dos hotéis podem entrar mais cedo (ou ficar até mais tarde). Isso quer dizer que se tiver isso marcando no calendário no dia que você for, quando você entrar já terão hóspedes lá dentro (a não ser que você também fique em um hotel da Disney).

Quando nós fomos, o parque estava bem cheio, mas fechava às 23h, então conseguimos ir em praticamente todas as atrações depois do show de fogos. Por isso conferir os horários é bem importante no planejamento da sua viagem.

Estacionamento

O estacionamento custa U$25 com as taxas (em março de 2019) e fica longe do parque, por isso considere também esse tempo. É preciso estacionar e pegar o monorail ou o ferry boat para chegar no parque.

Shows e Desfiles

O parque tem alguns desfiles e apresentações ao longo do dia, mas a dica é: Não vá embora do parque sem assistir o show de fogos. É super bem feito e emocionante.

Festival of Fantasy Parade: a parada das 3h da tarde, é onde você vê vários personagens clássicos passando. Muitas pessoas já procuram um lugar cerca de uma hora antes. A parada começa na Frontierland, vai na frente do Castelo e passa na Main Street, no mapa tem o desenho.

festival-of-fantasy-parade

Move it! Shake it! MousekeDance it!: É a festa do Mickey, onde ele e vários personagens vão pra rua e chamam as pessoas para dançar junto. Eu acho super divertido! Confira no Times Guide (do app ou em papel na entrada do parque) para confirmar os horários. Tem dois ou três shows por dia, mas pode mudar.

parque disney

Happily Ever After: É o show de fogos, música e projeção que acontece todas as noites na frente do Castelo e talvez meu show preferido na Disney. Dura cerca de 20 minutos e o melhor lugar para assistir é na altura da Casey’s Corner. Muito perto dá pouca visibilidade, evite. Não perca!

happily ever after

Once Upon a Time: é o show de projeção que acontece no Castelo, depois do show de fogos. Muita gente vai embora e não espera, mas eu amo e acho que vale muito a pena!

Dependendo da época do ano, tem shows de fogos especiais (como 4 de Julho, Ano Novo…), eventos especiais que precisam de ingressos adicionais (como a festa de Halloween a partir de agosto). Sempre confira no site a programação e evite essas surpresas.

Fast Pass

Aqui no Magic Kingdom não tem separação por grupos (como nos outros parques), isso quer dizer que você pode reservar qualquer três atrações. Eu recomendo (em ordem de dificuldade pra reservar): Seven Dwarfs Mine Train, Space Mountain, Peter Pan’s Flight (principalmente para crianças), Big Thunder Mountain, Splash Mountain (em dias quentes, em dias frios não tem fila, mas pode molhar bastante) e Haunted Mansion. Além desses, a foto com o Mickey, logo na entrada costuma ter fila, mas pra esse eu fico cuidando no app e vou ao longo do dia. Olhe no mapa a distância entre as atrações, pra não ficar indo e voltando e perder muito tempo assim. Lembre-se que depois de usar as três você pode ir marcando outras.

Nós chegamos cedo e tentamos ir para a Seven Dwarfs Mine Train primeiro, a montanha russa dos sete anões e atração mais concorrida do parque atualmente. Mas chegamos lá e já tinha uma hora de fila, decidimos não perder tempo ali. Eu tinha FP,  mas era para às 22h, então não iria conseguir liberar pra pegar o quarto FP.

Onde comer no Magic Kingdom

Aqui no Magic Kingdom tem alguns dos restaurantes mais legais dos contos de fadas <3

Be our Guest: Esse restaurante é maravilhoso e imperdível, mas não pela comida e sim pelo lugar! É todo com o tema da Bela e a Fera, mas sem reserva você não pode entrar só para conhecer. O café da manhã tem o preço mais salgado (mas eu nunca fui) e no almoço é comida mais Fast Food, como hambúrguer e sanduíches, mas também tem alguns pratos mais simples (eu peguei uma carne com vegetais, cogumelos e purê de batata, super bem servido). Para o jantar tem o cardápio mais elaborado (e caro) e presença da Fera. Para qualquer uma das refeições precisa de reserva e com antecedência. Mas se não conseguir de primeira, não desista, fique insistindo no app que eventualmente abrem novas vagas. Eu reservei para o café da manhã e depois consegui alterar para o almoço.

restaurante-be-our-guest

Cinderella’s Royal Table: Esse fica DENTRO do Castelo da Cinderella. Só por isso, é super concorrido. A reserva precisa de muitos meses de antecedência. Mesmo quando eu morava lá, só consegui uma vez para o café da manhã. O preço é alto, mas você tira foto com a Cinderella na chegada e depois as princesas vão na sua mesa durante a refeição. No café da manhã foi bem servido e a comida era boa.

As princesas visitando de mesa em mesa <3

As princesas visitando de mesa em mesa <3

The Crystal Palace: É um buffer com os personagens do Ursinho Pooh. Você paga um valor único e come a vontade, além desses personagens irem na sua mesa. Eu não sugiro mais do que um restaurante table service por parque, por motivos de tempo (e dinheiro também). Então escolha somente um. Eu particularmente gosto mais do Be Our Guest, mas se você não tiver conseguido, esse é bem bonitinho também e você come muito!

Tony’s Town Square: Esse nunca comi, mas dizem que é delicioso. A maior parte é de massas.

Aí tem as outras opções que são de Fast Food: Cosmic Rays na Tomorrowland (um dos maiores fast food do mundo ouvi dizer), Pinocchio Village Haus e Gaston’s Tavern na Fantasyland, Columbia Harbor House na Liberty Square (é gostoso pra quem gosta de frutos do mar, não é meu caso), Pecos Bill na Frontierland (esse eu gosto), Tortuga Tavern na Adventureland (nunca fui) e a Casey’s Corner na Main Street (já comi muito cachorro quente lá, haha).

Além disso, não podemos esquecer dos doces/sobremesas (arruma um espaço pra tudo isso): A famosa Kitchen Sink e outros sorvetes do Ice Cream Parlor (na Main Street), o Pineapple Float do Aloha Isle (na Adventureland) e o Funnel Cake do Sleepy Hollow (na Liberty Square).

Roteiro de 1 dia no Magic Kingdom

Fiz esse mini roteiro sobre cada uma das atrações, mas muito provavelmente você precisará adaptar com seus gostos e com os Fast Passes escolhidos. As atrações que eu não citar, é porque na minha opinião, não valem a pena para quem tem só um dia de parque.

Se tiver disposição, chegue bem cedo no parque, antes mesmo de ele abrir. Assim você consegue tirar fotos na entrada com menos gente e se tiver sorte, pegar a Main Street menos cheia também. Na hora em que o parque abre, tem uma apresentação na frente do castelo (antigamente era na entrada do parque, mas mudaram).

Se o parque estiver movimentado, você vai perceber as pessoas se amontoando na entrada de cada land. Minha sugestão é que você comece pela Fantasyland ou pela Tomorrowland (de frente para o Castelo, é a entrada à direita (pegue um mapa na entrada, não tem erro).

Se você não tiver pego o FastPass para a Seven Dwarfs Mine Train, vá até lá e veja o tempo de fila. Se tiver menos de 40 minutos, já vale encarar.

Caso não encare a fila, desça e vá para a Tomorrowland. Se não tiver pego FP, comece pela Space Mountain.

Space Mountain: Montanha russa no escuro e super legal. De todas do MK, é a mais “radical”, mas ainda assim tranquila, comparada com outras montanhas-russas de Orlando. Vale muito a pena e vale usar um FP nela. Na primeira hora da manhã tem pouca fila.

Buzz Lightyear’s Space Ranger Spin: tem gente que ama, eu acho bem mais ou menos, haha. É em um carrinho e você tem uma arminha para ir atirando nos ETs. Prefiro mil vezes a do Toy Story no Hollywood Studios, por isso acho que se você não conseguir ir nessa, tudo bem.

Monsters Inc. Laugh Floor: eu AMO muito esse. Mas é preciso entender bem inglês, pois ele é todo falado. É um auditório em que a missão do Mike Wazowski é encher aquele cilindro de risadas ao invés de gritos, por isso ele conta piadas e interage muito com o público. Como é auditório, entram muitas pessoas por vez, então não tem grande espera.

Fantasyland

(na última vez que fui, começamos direto por essa land e voltamos para a Tomorrowland só por volta das 11h, horário do nosso FP da Space Mountain).

Enchanted Tales with Belle – fica na Fantasyland e é um teatrinho de uma festa surpresa para a Bela. Normalmente a espera assim de manhã não é nem de 15 minutos. Eu AMO e acho a coisa mais fofa do mundo, eles chamam as crianças para encenar. Quem não estiver com crianças e não se importar com a Bela, pode passar essa.

Under the Sea – Journey of the little mermaid: É um carrinho em que passa pelas cenas da Pequena Sereia. Eu gosto e as crianças amam, mas não tem muita emoção, é só bonitinho. Também não tem muita espera de manhã cedo.

Encontro com Ariel – ao lado dessa atração, você pode tirar fotos com a Ariel. A fila de manhã não dura mais do que 15 minutos (normalmente).

Pete’s Silly Sideshow – na parte do circo, indo mais adiante da atração da Ariel, ficam o Pateta, Pluto, Margarida e Donald com roupas de circo para tirar fotos. Recomendo que se tiver espera, você não vá agora e fique cuidando ao longo do dia, costuma ficar com pouca fila.

Nessa parte de circo tem alguns brinquedos para crianças pequenas, como o Dumbo, o Barnstormer (uma montanha russa de leve do Pateta) e uma estação daquelas que molha com água que sai do chão.

magic-kingdom-circo

Mickey’s PhillarMagic: Já ao lado do Carrossel, atrás do Castelo, fica essa atração em 3D. Eu acho imperdível! Como é um cineminha, também não costuma ter muita fila (até brinco que essa atração é um termômetro, se ela tem muita espera, é porque o parque está muito cheio, rs).

Peter Pan’s Flight: Essa atração é bonitinha e costuma encantar principalmente crianças pequenas. Como normalmente tem muita fila, se não é o seu caso, pode dispensar, mas se quiser ir, indico um FP+.

It’s a Small World: Essa é uma clássica. É bom porque você pode descansar um pouco nos barquinhos e ficar com essa música o resto do dia na cabeça. Não tem nada de mais, mas se não tiver muita fila, vá, porque como eu disse, é clássica!

Liberty Square

Haunted Mansion: Mansão mal assombrada. Eu acho muito legal e acho que vale o FP+, mas como tudo aqui no Magic Kingdom, não é nada muito radical, mas muito bem feito.

Frontierland

Big Thunder Mountain: Montanha-russa que acho bem legal e acho que vale o FP+. Também costuma ter bastante fila. (Nós não tínhamos FP pra essa, então deixamos pra ir bem no final do dia, quando tinha pouca espera. Lembre de sempre acompanhar pelo app).

Splash Mountain: Outra clássica do parque, mas não indico em dias frios, porque pode molhar. Em dias quentes tem bastante fila, por isso vale o FP.

Adventureland

Pirates of the Caribbean: A atração dos piratas do Caribe, é um barquinho que passa pelos cenários do filme (modo de dizer, já que a atração que inspirou o filme, sabia?). É super bem feito, por isso eu gosto bastante.

Jungle Cruise: Essa é outra super antiga, daquelas que inauguraram com o parque. Não acho imperdível, mas amo essas clássicas, haha.

Swiss Family Tree House: É uma casa na árvore, que não tem fila porque é só entrar. É inspirada naquele filme dos Robinson, sabe? Passava na Sessão da Tarde, haha.

Main Street

É a rua principal do parque e apesar de não ter muitos brinquedos, é ali que ficam as lojas mais legais. Tem a Emporium, maior loja da Disney em parque que fica em quase todo o lado esquerdo e tem lojas de cristais, jóias, acessórios e quadros e pinturas, além da Confectionary já na chegada. Passeie muito por essas lojinhas, são uma delícia!

É na entrada do parque que você tira foto com o Mickey e com a TinkerBell. Eu sempre fico cuidando ao longo do dia e vou na hora que fica uns 30 minutos.

Em resumo é isso! Um parque lindo e cheio de magia. E de gente também, mas se você se organizar e planejar, dá pra tirar o máximo de proveito sem frustrações. Tem alguma dúvida? Deixa nos comentários 😉

O Viajapinha é afiliado do Booking, por isso, ao fazer a reserva da sua hospedagem por um de nossos links, você me ajuda a manter o blog, pois ganhamos uma pequena comissão, e você não paga a mais por isso. Clique no link que ele vai te direcionar direto pra página de Orlando 😉

booking_reserva

«

»

1 COMMENT

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pingback: 10 dias em Orlando - Roteiro na Disney - Viajapinha on 19 de abril de 2019